13 dezembro, 2019
HR Bahia
  • Home
  • Bahia
  • ENTREVISTA: Ananda Oliveira Mulher Trans digital influencer
Bahia Caetité HR BAHIA Notícias

ENTREVISTA: Ananda Oliveira Mulher Trans digital influencer

 

Ananda Daniele de Jesus Oliveira, de 21 anos, é natural de Caetité/BA e tem sido destaque por representar a comunidade LGBTQ+ na região. Recentemente participou do concurso Miss Beleza Trans Brasil 2019. Além de digital influencer, ela é modelo fotográfica e estudante do curso de Ciências Biológicas. Ananda concedeu uma entrevista ao HR Bahia contando como foi sua experiência no evento.

Ao ser selecionada para participar do Miss Beleza Trans Brasil 2019, como você se sentiu?
“A organização entrou em contato e me fez a proposta para estar entre as 27 pré-candidatas e representar o estado do Rio Grande do Norte. Fiquei muito emocionada, logo comentei a notícia para minha mãe, irmã e alguns amigxs íntimos e os mesmos me deram força e apoio para dar início a minha preparação.”

Quais dificuldades você encontrou ao participar do concurso?
“A minha maior dificuldade foi a questão financeira. Sou de família humilde, enfrentei alguns problemas financeiros, onde tive que abdicar de algumas necessidades para estar no concurso. Participar de um concurso desse nível requer um grande investimento. Para efetivar minha participação, teria que ser pago o valor da inscrição, valor esse que cobriria a hospedagem, alimentação e passeio nos dias de confinamento, fora isso tive diversos gastos relacionados a minha preparação e deslocamento para a cidade onde aconteceu o concurso. Mas, para mim, todo o investimento valeu a pena, pois tive diversas experiências, aprendizados e conhecimentos adquiridos no período do confinamento. Além disso, diversos profissionais aqui da cidade de Caetité e região, me ajudaram muito nessa jornada,  tenho uma gratidão imensa por todos, sem esse apoio eu não teria conseguido chegar onde cheguei.

Quais foram os pontos positivos?
“Esse concurso é um mecanismo de alta visibilidade, ter participado foi muito gratificante, pois ser uma mulher trans, negra, residente de um bairro periférico, de uma cidade do interior da Bahia e estar entre as 15 representantes mais bela do Brasil é algo de muita simbologia social e de representatividade. Isso me trouxe diversos pontos positivos. Além de toda a experiência, aprendizado e conhecimento adquiridos, pude trazer mais visibilidade para toda a comunidade LGBTQ+ do Nordeste. E para além disso venho tendo diversas oportunidades na área de trabalhos e parcerias enquanto modelo e influencer.

Ocorreu algum fato que serviu como lição de vida durante sua participação?
“Posso dizer que o concurso de modo geral serviu para aprendizagem, pensando desde a minha preparação ainda aqui na cidade e até o momento do confinamento. Apesar de ser um sonho, participar desse concurso foi algo novo, e sendo assim a maior parte das minhas experiências, vivências e conhecimentos servirá como lição de vida para os  anos seguintes, pretendo compartilhar com todos à minha volta, os conhecimentos e experiências adquiridos.”

Qual foi sua colocação?
“Alcancei o TOP 15, estando assim entre as 15 candidatas mais belas do Brasil.”

Quais atividades foram feitas com as candidatas?
“Ficamos em confinamento durante 4 dias, e esse período abrangeu uma agenda bem corrida e enriquecedora. Tivemos algumas reuniões com os patrocinadores oficiais do concurso, palestra com os médicos da Transgender Center Brazil, desfile para o estilista Almir França, alguns passeios e outras diversas atividades.”

Se inscreverá novamente em 2020?
“O concurso abriu um leque enorme para minhas vivências pessoais e profissionais, dessa forma, penso em candidatar novamente na próxima edição. Pois ser Miss, representar e trazer cada vez mais visibilidade para toda a comunidade LGBTQ+ brasileira é um dos meus maiores sonhos!”

Ananda ainda aproveitou para deixar seus agradecimentos: “Deixo aqui meus sinceros agradecimentos aos meus patrocinadores e parceiros: a minha amiga Fabiane Públio, o vereador Marcílio, a Boutique Floreia, em nome da design de moda Laura Gabriela, a estilista Aurelia Camargo, a loja Petúnia de Caculé-BA, a maquiadora Alana Magalhães, a loja Paris Noivas e ao centro de estética Espaço do Corpo. Não poderia deixar de agradecer também a todos os meus seguidores do Instagram, amigxs e familiares que sempre me apoiaram e que têm um carinho por mim! E convido a todos os leitores do site HR Bahia para acompanhar o meu trabalho no Instagram (@anandadaoli) e se divertir comigo!

Por Léia Andrade / HR Bahia / Foto: Montagem HR Bahia

Comente

comentários

Publicações Relacionadas

Homem envolvido em vários crimes na região é preso na cidade de Jacaraci

hrbahia

Seca castiga pastagem e provoca morte de animais na zona rural de Palmas de Monte Alto; município está em situação de emergência

hrbahia

VI Caminhada da Fé e da Fraternidade, em Igaporã, reúne cerca de cinco mil pessoas

hrbahia
Carregando....