Secelt realiza Censo Cultural nas comunidades do município de Caetité

Março 15 09:37 2018 Imprimir esse Artigo

A Secretaria Municipal de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo (Secelt) está realizando em todo município de Caetité o Censo Cultural com o propósito de registrar os espaços, ações e pessoas envolvidas nas atividades culturais, folclóricas e de turismo. Esse trabalho tem o intuito de fomentar e potencializar essas práticas, reconhecendo a cultura do nosso povo, bem como, incentivando a geração de renda.

Na tarde de ontem, agentes da Secelt estiveram visitando pessoas envolvidas nessas atividades. Inicialmente na Fazenda Chão Duro, na região da Cachoerinha, visitando a senhora Maria de Souza, que com seu jeito modesto recebeu a equipe em sua residência. Dona Maria trabalhava com o barro. Devido a problemas de saúde não trabalha mais, mas leva consigo o conhecimento adquirido com sua avó.

Foi visitada também, a casa de farinha do Seu Valdemir na comunidade Lagoa do Vilão. Onde uma equipe formada na maioria por mulheres, trabalham na produção artesanal de derivados da mandioca. Tradição passada de pai para filho: “meu pai também trabalhava com a mandioca, aprendi com ele, hoje continuo. Fazemos a massa e a farinha e levamos pra feira.” Nos contou seu Valdemir.

Por último, a visita foi na casa da Dona Silvana Santos, ela trabalha com leite e fabrica o queijo e requeijão. A matéria prima usada por ela é oriunda da própria comunidade e sua produção é comercializada na feira de Caetité. A nossa reportagem ela ressaltou a importância do Censo: “é importante essa ação para incentivar os produtores locais que tem o leite ou a mandioca, por exemplo, a continuar produzindo e gerando renda para essas pessoas”, disse Dona Silvana.

Comente

comentários

ver mais notícias

Sobre artigos do Site