18 julho, 2019
HR Bahia
  • Home
  • Bahia
  • Professora morta foi executada a mando da ex do marido e do pai dela em Juazeiro
Bahia HR BAHIA Notícias

Professora morta foi executada a mando da ex do marido e do pai dela em Juazeiro



A professora Élida Márcia de Oliveira, de 32 anos, que foi morta a tiros em Juazeiro, norte da Bahia, foi vítima de execução, segundo a polícia. Conforme as investigações, os principais suspeitos de serem os mandantes do crime são a ex do companheiro da vítima e o pai da mulher. Nesta segunda-feira (11), a delegada Lígia Nunes, que investiga o caso, informou que o crime foi cometido porque a suspeita, identificada como Edvânia Pereira de Morais, não aceitava o fim do relacionamento com Lázaro Pinheiro. Élida foi atingida com cerca de cinco tiros quando estava dentro do carro, com o marido e a filha, de 2 anos, a caminho do trabalho. Na ocasião, o homem ficou ferido com os estilhaços do vidro do veículo. Apesar de ser suspeita de envolvimento no caso, Edvânia ainda não tem mandado de prisão. No entanto, o pai dela, Edivan Constantino, foi preso no domingo (10), após ser apontado como mandante do crime. Um homem suspeito de ter dirigido a moto que transportou o atirador também está preso. Os dois cumprem prisão temporária e devem passar por audiência de custódia nesta segunda-feira.

Fonte: acheisudoeste / Foto: Reprodução/Facebook

Comente

comentários

Publicações Relacionadas

Aeroporto de Guanambi deve ser reaberto para voos particulares no fim de abril

hrbahia

MPF aciona prefeito e ex-prefeito no oeste da Bahia por desvios de 1,4 mil da educação

hrbahia

Ibiassucê: Empresa ceramista plantará mil mudas de plantas após acordo com Ministério Público

hrbahia
Carregando....