0 C
Caetité, Bahia
11 dezembro, 2018
HR Bahia
  • Home
  • Bahia
  • Gil Rocha prefeito de Guajeru tem bens bloqueados pela Justiça Federal, notícia repercute em todos país
Bahia Guajeru Notícias Política

Gil Rocha prefeito de Guajeru tem bens bloqueados pela Justiça Federal, notícia repercute em todos país

O juiz federal Fábio Stief Marmund concedeu uma medida liminar a pedido do procurador da república André Sampaio Viana, do Ministério Público Federal (MPF), em Vitória da Conquista, e decretou a indisponibilidade de bens do prefeito de Guajeru, Gilmar Rocha Cangussu (PDT), o Gil Rocha, do vice-prefeito de cidade de Malhada de Pedras, Adriano Reis Paca (PP), e da Transportadora Paca Ltda. A medida destina-se a assegurar o ressarcimento dos danos causados ao erário ou a restituição de bens e valores havidos ilicitamente em razão de condutas ímprobas. Segundo os autos, a Transportadora Paca venceu o Pregão Presencial nº 005/2015, no valor global de R$ 1.934.671,42, para prestação de serviços de transporte de alunos do ensino médio e fundamental em várias localidades do município de Guajeru. Houve prorrogação do contrato firmado, com reajuste de 9%, embora na justificativa da prorrogação tenha constado a informação de que seriam mantidas as condições do primeiro contrato, inclusive no tocante aos valores. Quanto aos valores cuja indisponibilidade se requer, o MPF fundamenta o montante requerido com base no acréscimo supostamente ilegal de 9% sobre o valor total recebido pela empresa em decorrência da renovação contratual – a empresa recebeu, em virtude da prorrogação, o montante de R$ 953.440,18. O juiz entendeu, portanto, que os valores apontados pelo MPF estão em consonância com o dano ao erário e/ou enriquecimento ilícito supostamente decorrentes dos fatos apurados na presente ação e podem ser adotados como referência para a decretação de indisponibilidade de bens dos requeridos. “Em face do exposto, decreto, com fundamento no art. 7º, da Lei 8.429/92, a indisponibilidade de bens dos requeridos até o limite de R$ 85.809,61”, decidiu o magistrado. O site Achei Sudoeste tentou contato com o prefeito Gil Rocha para falar sobre a decisão, porém, até o fechamento desta matéria, não obteve retorno.

Informações do SudoesteBahia / Foto: Lay Amorim

Comente

comentários

Publicações Relacionadas

Entrevista com o candidato a deputado estadual Manoel Pajé – Rede Sustentabilidade

hrbahia

Abertas inscrições do Encceja para privados de liberdade

hrbahia

Multa Por Estacionar Em Frente à Garagem: O Que Você Deve Saber

hrbahia
Carregando....