0 C
Caetité, Bahia
19 agosto, 2018
HR Bahia
  • Home
  • Bahia
  • Convenção neste sábado oficializa candidatura de Rui Costa ao Governo da Bahia
Bahia Notícias Política

Convenção neste sábado oficializa candidatura de Rui Costa ao Governo da Bahia

O Partido dos Trabalhadores (PT) oficializa a candidatura do governador Rui Costa à reeleição neste sábado (4), durante Convenção Estadual no Parque de Exposições de Salvador. O governador chega de Metrô ao ato, que terá início às 11h, e também confirmará os nomes dos pré-candidatos a vice-governador, João Leão (PP), e ao Senado, Jaques Wagner (PT) e Angelo Coronel (PSD), na chapa majoritária.

A convenção também ratifica as candidaturas dos suplentes dos dois candidatos ao Senado. O deputado federal Bebeto Galvão, do PSB, e a ex-prefeita de Sebastião Laranjeiras, Luciana Leão, do PR, serão, respectivamente, primeiro e segundo suplentes de Wagner. Já o deputado federal Davidson Magalhães, do PC do B, e a advogada Silvia Cerqueira, do PRP, serão os suplentes de Coronel, nesta ordem.

O nome da chapa majoritária, “Mais Trabalho Por Toda a Bahia”, também será oficializado durante a convenção deste sábado. Além de PT, PSD, PP, PC do B, PSB, PR e PRP, que possuem representantes na chapa majoritária, também formam a coligação principal PDT, Podemos, Avante, PMB, PTC, PMN e Pros, totalizando 14 partidos.

O registro das candidaturas da chapa “Mais Trabalho por toda a Bahia” será feito no dia 15 de agosto no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), em Salvador, quando também será entregue o Programa de Governo Participativo (PGP 2018) do pré-candidato Rui Costa. De 7 de julho a 2 de agosto, Rui realizou reuniões plenárias com sua militância em 18 cidades baianas para ouvir propostas para construção do PGP. As demandas prioritárias de cada um dos 27 territórios de identidade que compõem o estado estarão no programa de Governo.

Proporcionais

Os partidos que compõem a base de Rui Costa vão se organizar da seguinte maneira na disputa por vagas na Assembleia Legislativa e na Câmara dos Deputados:

Coligações de deputados estaduais

– Chapão: PT, PSB, PSD, PP, PR, PDT, PRP, PMB, Podemos, Avante e Pros

– Chapinha: PTC e PMN

– PC do B sai sozinho na disputa estadual

Coligações de deputados federais

Chapa 1: PT, PSB, PSD, PC do B, Avante, Podemos, PR, PP

Chapa 2: PDT e PROS

Chapa 3: PTC, PMN, PRP e PMB

Sobre os pré-candidatos

Rui Costa

Nascido em Salvador no dia 18 de janeiro de 1963, o economista Rui Costa dos Santos cresceu no bairro da Liberdade e estudou a vida toda em escola pública. Filho do metalúrgico Clovis dos Santos e da dona de casa Maria Luzia Costa dos Santos, Rui iniciou a vida política na década de 80, quando começou a participar do movimento sindical no Polo Petroquímico de Camaçari, através do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Petroquímica (Sindiquímica-BA), e se filiou ao Partido dos Trabalhadores (PT). Em 2000, se candidatou a vereador na capital baiana e assumiu seu primeiro cargo eletivo na Câmara Municipal de Salvador. Em 2004, foi o vereador mais votado do PT em Salvador, sendo reeleito com 8.901 votos. Três anos depois, foi convidado a assumir a Secretaria de Relações Institucionais da Bahia (Serin), no primeiro governo de Jaques Wagner. Em 2010, foi eleito o deputado federal mais votado do PT Bahia. Em janeiro de 2012, assumiu a chefia da Casa Civil da Bahia. No ano seguinte, o Partido dos Trabalhadores anunciou o nome de Rui Costa para disputar as eleições de 2014 ao Governo do Estado, sendo eleito governador da Bahia no primeiro turno das eleições com 3,5 milhões de votos.

João Leão (PP)

Pré-candidato a vice-governador, João Felipe de Souza Leão nasceu em Recife, no ano de 1946. Filiado ao Partido Progressista (PP-BA), João iniciou a trajetória política em 1989 quando foi eleito prefeito do município de Lauro de Freitas. Por cinco vezes seguidas, desde 1994, foi eleito deputado federal. Ao longo de sua jornada, João Leão licenciou-se do mandato de Deputado Federal para assumir o cargo de Secretário Estadual de Infraestrutura do Governo da Bahia, entre 2009 e 2010, e de Secretário da Casa Civil de Salvador, entre 2011 e 2012. Em 2014, foi nomeado para o cargo de secretário da Secretaria de Planejamento do Estado da Bahia (Seplan), ano em que também foi eleito vice-governador ao lado de Rui Costa. Em 2018, Leão tenta a reeleição para o mesmo cargo.

Jaques Wagner (PT)

Jaques Wagner nasceu no Rio de Janeiro em 1951. Filho de imigrantes judeus poloneses, iniciou sua trajetória política em 1969, no movimento estudantil, na Faculdade de Engenharia Civil da Pontifícia Universidade Católica (PUC-RJ). Wagner foi diretor e presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Petroquímica (Sindiquímica-BA), época em que conheceu Luiz Inácio Lula da Silva, com quem mantém uma estreita amizade e parceria há mais de 35 anos. Foi também fundador e o primeiro presidente do PT e da CUT na Bahia. Em 1990 foi eleito deputado federal, permanecendo na Câmara por mais dois mandatos, em 1994 e 1998. Em 2006, Wagner é eleito Governador da Bahia, e reeleito em 2010, com 4.101.270 votos, a maior votação já conquistada por um governador na história do estado. Em 2015, foi indicado pela Presidenta Dilma Rousseff para ser Ministro da Defesa, da Casa Civil e do Gabinete Pessoal de Presidência da República. Deixou o governo em abril de 2018, no período estabelecido pela Justiça Eleitoral, para disputar uma das cadeiras no Senado Federal como representante da Bahia nas eleições de outubro.

Angelo Coronel (PSD)

Engenheiro Civil, empresário e, atualmente presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), Angelo Mário Coronel de Azevedo Martins nasceu em Coração de Maria, no Recôncavo da Bahia, em 3 de maio de 1958. Foi eleito prefeito de Coração de Maria, para o quadriênio 1989-1992, pelo Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB). É deputado estadual desde 1994, quando foi eleito para o cargo pela primeira vez. Em 2017, foi eleito presidente da Alba, já como membro do PSD, partido sob o comando, na Bahia, do senador Otto Alencar.

Comente

comentários

Publicações Relacionadas

Polícia investiga se delegado Marco Torres foi morto em retaliação à investigação que ele vinha fazendo contra assaltantes de banco

hrbahia

Governo da Bahia vai convocar professores aprovados em concurso público

hrbahia

Vendas no Dia das Mães devem movimentar R$ 17 bilhões no comércio, mostram SPC Brasil e CNDL

hrbahia
Carregando....