0 C
Caetité, Bahia
20 outubro, 2018
HR Bahia
  • Home
  • Bahia
  • Conheça os candidatos ao governo da Bahia nas eleições de 2018
Bahia Notícias Política

Conheça os candidatos ao governo da Bahia nas eleições de 2018

Acontece no dia 7 de outubro deste ano, em primeiro turno, e no dia 28 de outubro, nos casos de segundo turno, as eleições que definirão os deputados estaduais e federais, senadores, governadores e presidente da república a ocuparem os cargos a partir de 1 de janeiro de 2019. Na Bahia, seis candidatos vão concorrer ao cargo de governador, confira: Célia Sacramento (Rede) – mestre em controladoria e contabilidade pela Universidade de São Paulo (USP) e doutora em engenharia de produção pela Universidade Federal Santa Catarina (UFSC); João Henrique (PRTB) – formado em economia pela Universidade Federal da Bahia (Ufba), com pós-graduação em desenvolvimento econômico e administração de cidades. Foi duas vezes vereador de Salvador, tendo sido eleito pela primeira vez em 1988; João Santana (MDB) – atual presidente do partido da Bahia, ele é formado em engenharia elétrica pela Escola de Engenharia Eletromecânica do estado. Foi professor na mesma instituição de ensino e chefe de manutenção geral do Complexo Hidroelétrico da Central do Funil. Atuou como ministro da Integração Nacional no governo Lula, em 2010; José Ronaldo (DEM) – ex-prefeito de Feira de Santana, é graduado em Administração de Empresas pela Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), atuou como professor, atuou na Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial, a antiga Cedic e teve passagem pela Secretaria Estadual de Educação e Cultura de Feira; Marcos Mendes (PSOL) – formado em geologia pela Universidade Federal da Bahia, com especialização em Meio Ambiente, pós-graduação em gestão pública municipal e governamental e mestrado em geologia ambiental. Já atuou como professor universitário substituto no Instituto de Geociências da UFBA; Rui Costa (PT) – economista por formação, governador da Bahia desde 2015. Foi presidente do Sindiquímica e ajudou a fundar o PT. Em 2000, foi eleito vereador pela capital baiana e reeleito em 2004. Entrou no governo de Jaques Wagner em 2007 como Secretário de Relações Institucionais. Em 2010, deixou o cargo para ser deputado federal. Dois anos depois, se tornou Secretário-Chefe da Casa Civil da Bahia, no segundo mandato de Wagner.

Foto/Composição – HR Bahia

Comente

comentários

Publicações Relacionadas

Livramento: dono de quiosque é morto a tiros na Praça Pedro Mandu

hrbahia

Festival de Inverno Conquista/Bahia: Organização confirma Fábio Júnior, Pitty, Roupa Nova, Capital Inicial e outras atrações; confira

hrbahia

Coelba anuncia acordo com a Caixa e contas de luz voltarão a ser pagas nas lotéricas

hrbahia
Carregando....