0 C
Caetité, Bahia
22 abril, 2019
HR Bahia
  • Home
  • Caetité
  • Câmara aprova Projeto que institui o dia 20 de novembro como feriado municipal, em homenagem ao “Dia da Consciência Negra”, em Caetité
Caetité Cultura HR BAHIA Notícias

Câmara aprova Projeto que institui o dia 20 de novembro como feriado municipal, em homenagem ao “Dia da Consciência Negra”, em Caetité

A Câmara de Vereadores do Município de Caetité aprovou na noite desta segunda-feira (18), por unanimidade, o Projeto de Decreto Legislativo Nº 904, de 07 de março, que Institui o dia 20 de novembro como Feriado Municipal, em homenagem ao “Dia da Consciência Negra”, no Município de Caetité. O Projeto é de autoria do Vereador Zacarias Fernandes Nogueira e terá a data incluída no calendário oficial de eventos do Município.

O Dia da Consciência Negra é celebrado em 20 de novembro no Brasil e é dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira. A data foi escolhida por coincidir com o dia da morte de Zumbi dos Palmares, em 1695. O Dia da Consciência Negra procura ser uma data para ser lembrada a resistência do negro à escravidão de forma geral, desde o primeiro transporte forçado de africanos para o solo brasileiro (1594).

Mesmo com o sofrimento que a escravidão trouxe, o negro é muito importante para a formação cultural, social e econômica do Brasil. Porém, ainda há resquícios do processo escravocrata, onde muitas vezes se nega condições de igualdades comparando a outras etnias, sendo que todos são importantes para o desenvolvimento de nossa sociedade.

Elementos de conscientização que busquem conscientizar a sociedade pela igualdade e o respeito, entre outros, são importantes nesse sentido. É de suma importância lembrarmos que há um grande número de negros em nosso município, inclusive existem muitos grupos Quilombolas os quais comemoram com festa essa data que tem o objetivo de fortalecer, integrar e valorizar a cultura negra e a identidade das comunidades remanescentes quilombolas tanto em nosso município e também na região, já que em Caetité existem cerca de 25 comunidades negras, sendo 13 já certificadas pelo órgão competente, a Fundação Palmares. Por isso a importância da inclusão do feriado municipal do “Dia Nacional da Consciência Negra” se torna tão importante.

Por Fábio Alves / Caetfest / Foto: HR Bahia

Comente

comentários

Publicações Relacionadas

Caculé: Comunidade de São José faz rifa de um terreno de 180m² para ajudar na cobertura da igreja

hrbahia

Ambulância da Unimed pega fogo em Brumado

hrbahia

Paramirim: Homem é morto após briga em bar provocada por ciúmes

hrbahia
Carregando....